Desfilando de Harley pelo Grand Canyon

Links das Postagens da Viagem

RoteiroLas Vegas – ZionNiver em PageGrand CanyonRota 66 até KingmanRota 66 até BarstowCalico – Los AngelesSequoia e YosemiteSan Francisco

Saímos cedo rumo ao Grand Canyon por uma belíssima estrada. Quem conduziu a Van neste trecho foi o Zé Maria. Paramos algumas vezes para tirar fotos em mirantes e comprar souvenirs dos índios Navajos que tinham barracas na beira da estrada. Fizemos um pequeno desvio para visitar o belo Marble Canyon, formado pelo rio Colorado rasgando o solo rosa do deserto.

Motos quase sem Gasolina!

Foi quando percebemos que ninguém havia abastecido as motos na saída de Page… A quantidade de combustível nas motos era suficiente para andar poucos quilômetro, não sendo possível retornar para Page.

Marble Canyon

Sabíamos que no meio daquele deserto os postos de gasolina eram raríssimos, mesmo assim arriscamos continuando a ir na direção do Marble Canyon. Ao chegarmos lá, perguntamos para uns índios que tinham suas barracas montadas próximo ao estacionamento onde poderíamos encontrar um posto de gasolina e eles informaram que logo após a ponte, do outro lado do Canyon, existia um posto! Ufa…sorte nossa aqueles índios estarem alí, pois nossos planos nâo era atravessar aquela ponte e sim retornar do Marble Canyon de volta rumo ao Grand Canyon.

Após colocarmos gasolina nas motos, comermos e bebermos no posto rumamos para o Grand Canyon National Park.

Grand Canyon

Sem dúvida ao chegar fica-se impressionado com a grandeza e beleza do Grand Canyon, é um parque que vale cada minuto da visita. O ingresso para o parque custa US 12,00 por pessoa ou US 25 por veículo, como já tinhamos comprado um ticket anual no Lake Powel tivemos apenas que apresentar o ticket na entrada do parque.

Perfilados na entrada do Grand Canyon National Park

Animados pela beleza da paisagem, pelo grande número de paradas dentro do parque e pelo fato de ser permitido pilotar moto sem capacetes no estado do Arizona, todos colocaram os capacetes dentro da Van e aproveitaram para curtir o vento e as belíssimas paisagens sem o desconforto dos capacetes.

Grupo com o Grand Canyon ao fundo

No final do dia chegamos em William/AZ, onde tivemos o primeiro contato com uma placa de estrada da Rota 66. Jantamos em um excelente restaurante típico e fomos passear nas pequenas lojas de souvenirs da Rota 66.

Photobook da viagem

 


____________________________________________________
Texto: José Maria

(Visitado 21 vezes, 1 visitas hoje)

Postar sua mensagem