Rua do Porto de Piracicaba e Engenho Central

Este post atualiza informações sobre a rua do Porto de Piracicaba já postadas em em 12/10/2009.  A rua continua repleta de restaurantes com mesas à beira do rio Piracicaba. Nos fins de semana pode ser difícil encontrar lugar livre em alguns deles. Desta vez chegamos cedo, por volta das 9:30hs da manhã e estacionamos o carro com facilidade pois neste horário, mesmo num dia de domingo, o estacionamento é fácil! Antes de almoçar  em um dos restaurante da Rua do Porto, nosso objetivo era visitar o Engenho Central que fica do outro lado do Rio Piracicaba. Recentemente foi inaugurada uma moderna ponte de pedestres que torna o Engenho Central bem mais acessível para quem está na Rua do Porto.

História do Engenho Central

O Engenho Central de Piracicaba foi construído em 1881, com a finalidade de produzir açúcar de forma mecanizada com a utilização de trabalhadores assalariados nas atividades do Engenho, substituindo a mão de obra escrava.

DSC_0184-2

Em 1899 já era o mais importante Engenho do país, com uma produção anual de 100 mil sacas de açúcar e três milhões de litros de álcool. O Engenho funcionou até 1974 quando teve a sua produção desativada.

DSC_0216-2

O Engenho Central foi tombado em 1989  pelo CODEPAC como patrimônio histórico e cultural sendo desapropriado pela Prefeitura de Piracicaba, tornando-se um  importante espaço cultural, artístico e recreativo com uma área verde é de 80 mil metros quadrados e uma área construída 12 mil metros quadrados.

DSC_0239-2

Em cerca de 2 horas é possível ir da Rua do Porto até o Engenho Central, visitar os prédios e Galpões abertos para o público, visitar uma a loja de artesanato do local e retornar para a Rua do Porto. Fizemos este trajeto em 3 horas pois estávamos em um grupo de aficcionados por  fotografia,  cujo interesse era fazer um registro fotográfico dos prédios históricos do Engenho Central.

Rua do Porto

Retornamos às 12:30hs para a Rua do Porto e fomos para o restaurante Cais do Porto comer  “Filhote”, o peixe mais saboreado nos restaurantes da Rua do Porto.  Fomos à churrasqueira e escolhemos duas peças: uma de Filé e uma grande Posta de Filhote, totalizando cerca de 2 kg para um grupo de 9 pessoas.

Rua do PortoEste é um ponto característico da rua do Porto, você não pede o peixe na mesa…o comum é ir até a churrasqueira do restaurante e escolher uma peça  do peixe que voce quizer! O pedaço é pesado na sua frente e é colocada uma vareta no peixe, com o número da mesa que você está sentado. O peixe foi acompanhado por um pirão, molho tártaro e arroz. Como sempre, o peixe estava muito bom, tempero no ponto,  bem macio e suculento… na textura certa…fomos muito bem atendidos no nosso pedido de  “Posta de Filhote” e  “Lombo de Filhote” na brasa que o grupo saboreou numa mesa às margens do rio Piracicaba.

DSC_0663-2

Fica portanto a dica, quando visitar a Rua do Porto de Piracicaba reservar cerca de 2 horas para conhecer os prédios históricos do Engenho Central. O local é agradável com prédios imponentes com ótimo fundo para fotografias…Na hora do almoço, retorne para um dos restaurantes da Rua do Porto e saboreie um “Filhote na Brasa”, o peixe mais famoso da rua do Porto, com uma linda vista para o Rio Piracicaba!


Texto e Fotos: José Maria e Imaculada


(Visitado 936 vezes, 2 visitas hoje)

2 Responses to Rua do Porto de Piracicaba e Engenho Central

  • Excelente passeio. Boa comida, boas fotos, boa conversa, bons amigos…

  • Bom dia Colega,

    Sei que já faz algum tempinho que voce esteve lá na Rua Porto em Piracicaba, mas gostaria de saber na questão de preços desses peixes que voce almoçou lá. Seria ideal colocar uma média pra saber se gasta muito ou não.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *